segunda-feira, 3 de abril de 2017

STÊNIO GARCIA - ESPECIALISTA EM COMPOSIÇÕES


Stênio Garcia Faro nasceu em Mimoso do Sul (ES) no dia  28 de abril de 1932. O nome Stenio é uma junção dos nomes de seus pais Stella e Antonio. O pai, um agente de estrada de ferro, vivia mudando-se de cidade e aos 12 anos, com a separação dos pais, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde muito cedo começou a trabalhar como auxiliar de escritório. Em seguida, estudou contabilidade, tendo se formado contador. Seus primeiros trabalhos como ator foram por acaso, num grupo amador, do qual fazia parte uma namorada. 

Em 1958, formou-se no Conservatório Nacional de Teatro, no Rio de Janeiro, e ganhou uma bolsa de estágio no Teatro Brasileiro de Comédia, dando novo impulso à sua carreira teatral. Inicialmente era um ator assistente, participando das montagens da Cia. Nessa época começou a namorar Cleyde Yáconis, irmã de Cacilda Becker, a primeira atriz da Cia. Com o desligamento de Cacilda Becker do TBC, Stênio Garcia passou a integrar a nova companhia da cunhada, tendo viajado por todo o Brasil e exterior com o novo grupo e atuado em diversas peças do repertório da Cia Teatro Cacilda Becker. 

Além de ator, conhecido pelo cuidado na composição de suas personagens, Stenio Garcia também atuou como assistente de direção e preparador de atores em exercícios físicos para diretores como  Ziembinski,  Flávio Rangel e Antunes Filho.

No início dos anos de 1960, Stênio apareceu num episódio da série de TV O Vigilante Rodoviário. Em seguida passou a atuar em novelas de Ivani Ribeiro, sob a direção de Walter Avancini  na TV Excélsior. Entre seus trabalhos de destaque dessa época estão as novelas O Terceiro Pecado e A Muralha. Com o fechamento da Excelsior passou algum tempo na TV Tupi até ser contratado pela TV Globo em 1972 para atuar na novela Cavalo de Aço, novamente sob a direção de Walter Avancini, que o escalaria em seguida para O Semideus

Quase cinqüenta anos depois, são incontáveis os trabalhos do ator na emissora, alguns de grande repercussão, especialmente em novelas da novelista Glória Perez, como o inesquecível Tio Ali em O Clone. Outro marco de sua carreira na televisão foi o seriado Carga Pesada, ao lado de Antônio Fagundes. Também merece destaque sua atuação na novela Que Rei Sou Eu?, onde era Corcoran, o bobo da corte da pérfida Rainha Valentine, interpretada por Tereza Rachel.

Além de  Cleyde Yáconis, Stênio Garcia também foi casado com a ex-atriz  Clarice Piovesan, com quem teve duas filhas e fez enorme sucesso nos anos 1980 com a dupla de personagens Kika e Chuchu. Separado, voltou a se casar com a atriz Marilene Saade.

Em Mimoso do Sul, sua cidade natal, há um  teatro que leva seu nome, o Teatro Stênio Garcia e é lá que estão as dezenas de troféus conquistados ao logo de uma vitoriosa carreira.

Nesta e na próxima postagem (Stênio Garcia na Televisão),  um pouco de sua trajetória no teatro cinema e televisão.

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia
Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia

Stênio Garcia
Stênio Garcia e Clarice Piovesan

Stênio Garcia com Clarice Piovesane suas filhas crianças


Stênio Garcia e Luiza Tomé na novela Corpo a Corpo

Stênio Garcia e Natalia do Valle na novela Final Feliz

Stênio Garcia, Natalia do Valle e José Wilker na novela Final Feliz

Stênio Garcia e Tereza Rachel na novela Que Rei Sou Eu?

Stênio Garcia e Nicete Bruno na segunda versão da novela Selva de Pedra 

Stênio Garcia e sua biografia para a coleção Aplauso
TEATRO
Stênio Garcia com Cacilda Becker na peça Os Perigos da Pureza

Stênio Garcia com Ruth de Souza, Raul Cortez e Cleyde Yáconis na peça Vereda da Salvação

Stênio Garcia com Ivan de Albuquerque, Eva Wilma, Regina Duarte e Geraldo del Rey na peça Black-Out

Stênio Garcia na peça O Cemitério de Automóveis


Stênio Garcia com Nuno Leal Maia na peça A Massagem

Stênio Garcia com Ariclê Perez na peça Peer Gynt

Stênio Garcia com Yoná Magalhães e Arlete Salles na peça A Mulher Integral

CINEMA
cartaz do filme Morte e Vida Severina

Stênio Garcia  no filme A Guerra dos Pelados

Stênio Garcia  no filme A Guerra dos Pelados

Stênio Garcia  no filme A Mulher de Todos

Stênio Garcia  com Paulo José e Anecy Rocha no filme As Amorosas

Stênio Garcia  com Anecy Rocha no filme As Amorosas

Cartaz do filme As Três Mortes de Solano

Stênio Garcia  no filme As Três Mortes de Solano

Stênio Garcia  no filme O Crime do Zé Bigorna

Cartaz do filme O Crime do Zé Bigorna

Stênio Garcia  no filme O Esquadrão da Morte

Stênio Garcia com Carlos Vereza  no filme O Esquadrão da Morte

Stênio Garcia  no filme O Esquadrão da Morte

Stênio Garcia com Carlos Vereza  no filme O Esquadrão da Morte

Stênio Garcia com Carlos Vereza  no filme O Esquadrão da Morte

Stênio Garcia no filme O Pornógrafo
Stênio Garcia com Louise Cardoso no filme Leila Diniz

Stênio Garcia no filme Vereda da Salvação

Stênio Garcia com Raul Cortez no filme Vereda da Salvação

Stênio Garcia com Fernanda Montenegro no filme Tudo Bem

Stênio Garcia com Luiz Carlos Vasconcelos, Lima Duarte e Regina Casé no filme Eu, Tu, Eles

Luiz Carlos Vasconcelos, Regina Casé, Lima Duarte e Stênio Garcia  no filme Eu, Tu, Eles

Cartaz do filme Eu, Tu, Eles


Fotos - acervo de Orias Elias - revistas Amiga (Bloch Editores), Contigo (Editora Abril), Sétimo Céu (Bloch Editores), Ilusão (Editora Abril), Romântica (Editora Vecchi), Melodias  (Editora APA), Manchete (Bloch Editores), Cartaz (Rio Gráfica e Editora SA), Intervalo (Editora Abril), O Cruzeiro, Jornais Diário de São Paulo, Folha de São Paulo, Imprensa Oficial, Blog TUDO ISSO É TV (Césio Gaudereto), site TV Globo, Site Canal Viva, Cedoc (TV Globo), site Banco de Conteudos Culturais (www.bcc.org.br), sites diversos da Internet



Nenhum comentário:

Postar um comentário